segunda-feira, 12 de abril de 2010

SEBASTIÃO JOSÉ DA SILVA - POETA - MATÉRIA EXTRAÍDA DA CAPA DE UM LP DO ANO DE 1981

Sebastião José da Silva nasceu dia 06 de janeiro de 1945 em guarabira, Estado da Paraíba e também passou a infância na roça,trabalhando,desde cedo,tanto na lavoura como na criação de gado.Também sentiu influência dos cantadores e, com três anos, cantava e tocava viola; nos fins de semanas viajava para cantorias nas redondezas ,voltando voltando nas segundas-feiras,em sua própria casa,eram freqüentes as cantorias na sua infância,já que seu avô materno era grande apreciador delas e convidava os cantadores .por volta de 18 anos,começou a se apresentar profissionalizar, cantando ao lado de cantadores famosos,como Heleno Bertoldo,José Alves Sobrinho, Domingos Tomaz .Com 22 anos fez parte do programa.

“Quando as violas se encontram” na Rádio Difusora de Cajazeiras (PB),Com Gérson Carlos de Moarais, durante dois anos, depois foi para a Rádio Caturitê, de Campina Grande, com Antônio Barbosa, no programa “Aquarelas do Nordeste” ; em seguida, com José Monte, esteve na Rádio Alto Piranhas, de Cajazeiras; também esteve em Mossoró, Iguatu e Caicó até o ano de 1975, quando se aassociou a Moacir Laurentino. Suas cantorias se espalharam, então, pelos os Estados da Paraíba, Alagoas,Pernmabuco, Bahia, Ceará,Piauí,Maranhão,Rio Grande do Norte, São Paulo e Paraná.

Em 1976 Lancaram seu primeiro Lp pela Continental,o segundo em 1978, o terceiro em 1980, saindo agora o quarto, com uma mensagem mais direta sobre a realidade do mundo atual, conflitos,problemas, discriminações, questões específicas do Nordeste e temas bem atuais, como o atentado sofrido pelo o Papa.

São inúmeras suas participações vitoriosas, em dupla ou cada um com outros parceiros, nos Congressos de Campina Grande, Cajazeiras, Caruaru, São José do Egito, Juazeiro, Garanhuns e Afogados da Ingazeira.

Postar um comentário