terça-feira, 10 de setembro de 2013

UMBUZEIRO, PLANTA DO NORDESTE

UMBUZEIRO, PLANTA DO NORDESTE

                            





                                  Umbuzeiro

O umbuzeiro ou imbuzeiro, Spondias tuberosa, L., 
Pertence a família das Anacardiáceas
É mesmo uma das plantas rústicas da caatinga brasileira



Imbuzeiro ou Umbuzeiro

Foto: tirada na Reserva ecológica da Escola Agrícola Municipal Pres. José Sarney
Terra Vermelha – Poço Verde - SE


Ó umbuzeiro querido
Ai que saudade nos dá
Do cheiro bom da caatinga
Do canto do sabiá.

Umbuzeiro que alimenta
Os filhos do meu sertão
Traz fartura todo ano
Em pleno sol de verão.

Guarda água nas raízes
Pra “beber”  em plena seca
Alimentando os seus galhos
Antes que as folhas se percam.

É sagrado do sertão
Euclides da Cunha dizia
Assim que vinha ao Nordeste
Em Canudos na Bahia.

Até as folhas alimentam
Aos herbívoros do sertão
Assim que chega a penúria
Do forte sol de verão.


Imbuzeiro nos transmita
Sua grande fortaleza
Que além de matar a fome
Proporciona beleza.


Umbuzeiro que traz vida
A todos deste sertão
Traz fartura em sua safra
E alimenta este povão.

Imbuzeiro que transmite
Fartura e empolgação
Numa safra tão perfeita
Nos catingais do sertão.

Quanto ao zunir da cigarra
Estronda no umbuzeiro
Temos certeza de que
O sol brilha o dia inteiro.

É planta bem catingueira
É planta do meu sertão
É planta que alimenta
E que traz satisfação.

Ó gigante umbuzeiro
Querido deste sertão
Que traz fartura e bondade
Ao povo deste torrão.

No nosso bom Poço Verde
Catingueiro como é
Temos fartura de imbu
Pra dar à que vier.

Uma prática condenada
Que não consigo entender
É tirar sua raiz
Pra fazer doce e vender.

Seu bufu é onde guarda
A água para o verão
Tirá-la faz mal a planta
Prejudica a produção.

Preservar todas as plantas
É dever de todos nós
Fazendo com que a Natureza
Os transmita sua voz.

Ó umbuzeiro tão lindo
Seus ramos chegam a brilhar
Os frutos trazem alimentos
Pra o povo se alimentar.

Quando suas folhas caem
Em pleno sol de verão
Anunciam com certeza
Sua boa floração.

O sertanejo se prepara
Para o que vem  por ai
É safra do imbuzeiro
Para o verão prosseguir.

Seu bufu traz alimento
Mas não aconselho tirar
Lá está depositada
A água que eis de guardar.

Seus frutos são excelentes
São melhores que filé
Dali s faz-se os  sorvetes
Doces, geléia e picolé.

Na roça ou na cidade
O imbu é bem aceito
É também conceituado
Por ser alimento perfeito.

É assim que o umbuzeiro
Comporta-se no sertão
Trazendo muita fartura
A toda população.

O sabor, um pouco ácido
Traz o charme do umbu
Faz-nos lembrar da caatinga
No cantar do inhambu.

É planta rústica do Nordeste
Parente do cajueiro
Da mangueira e do cajá
Entre todos, o primeiro.

Adapta-se bem na caatinga
Em qualquer tipo de chão
Floresce no tempo certo
Em pleno sol do verão

Agradeço por demais
Ao povo deste serão
Conhecedor do umbuzeiro
Gigante deste torrão.

Vou parando por aqui
Agradecendo aos demais
Cada um faz o que pode
Cada um sabe o que faz.


Hermano Alves  Poço Verde – Sergipe  03 de abril de 2011

Fonte: internet 
Postar um comentário