segunda-feira, 13 de julho de 2015

Câncer na boca atinge mais jovens por causa de sexo oral sem proteção

Estudo organizado pela epidemiologista Maria Paula Curado, do A.C.Camargo Cancer Center, de São Paulo, mostra que o câncer na boca atinge mais jovens por causa de sexo oral sem proteção.
O número de casos duplicou no grupo de pessoas entre 30 e 44 anos de 2001 a 2010, em comparação com pesquisa anterior de 1991 a 2000. A incidência entre os homens cresceu de 4 para 10 casos a cada 100 mil; já entre as mulheres o salto foi menor, de 2 para 5 casos. As informações são da Folha de S.Paulo.
Na pesquisa, os especialistas concluíram que houve uma mudança com o passar dos anos. Antes os tumores de boca e garganta afetavam homens mais velhos, tabagistas e consumidores de álcool.] Agora, atingem jovens adultos que não necessariamente fumam ou bebem, mas que praticam sexo oral desprotegido. Isso favorece a instalação do HPV na cavidade oral e o vírus causa lesões que podem virar um câncer.
Natalia Vivas/Flickr/Creative Commons
Natalia Vivas/Flickr/Creative Commons
O câncer na boca atinge mais jovens adultos por causa de sexo oral sem proteção
A pesquisa será apresentada durante esta semana durante o Congresso Mundial da Academia Internacional de Câncer Oral, que ocorre pela primeira vez na América Latina na cidade de São Paulo.
Postar um comentário