domingo, 7 de outubro de 2012

UMA CHAGA EM CADA MÃO



NUM PAÍS COM ESCASSEZ DE VIOLA


DE POETA, GARGANTA E POESIA

QUEM CANTAR A VIDA PRETENDIA

ACABOU ENCERRANDO A SUA HISTÓRIA

MESMO TENDO CANTADO MUITAS GLÓRIAS
GLÓRIAS SUAS QUE SÃO GLÓRIAS DA GENTE
ENTRETANTO VEIO A MORTE INDIFERENTE
E AO GRANDE SANFONEIRO ABATEU
O BAIÃO O SEU CANTADOR PERDEU
E O NORDESTE SOLUÇA AMARGAMENTE.


SEU LUIZ QUANDO FOI UM TRISTE DIA,
NEM SEI COMO COMEÇOU A PASSAR MAL,
PELA CURA PROCUROU UM HOSPITAL,

ENTRETANTO DO PIOR NINGUÉM SABIA;

QUE A MALDITA MORBIDEZ EVOLUÍA

DESTRUINDO NOSSO ILUSTRE PACIENTE

E DE REPENTE NÃO MAIS QUE DE REPENTE
A SANFONA DO REI EMODECEU
O BAIÃO O SEU CANTADOR PERDEU
E O NORDESTE SOLUÇA AMARGAMENTE.



A NOTÍCIA FOI DADA COM TRISTEZA,
PELO MÉDICO QUE ASSINOU O ATESTADO
GONZAGÃO PARA SEMPRE ESTÁ CALADO,

FALTOU AR, FALTOU FORÇA E A FIRMEZA;

COM OS QUAIS JÁ CANTOU TANTA BELEZA

E FOI SINCERO NO QUE SUA ALMA SENTE,

ATÉ MESMO COBROU DOS PRESIDENTES,
SOLUÇÕES QUE O IMPÉRIO PROMETEU
O BAIÃO O SEU CANTADOR PERDEU
E O NORDESTE SOLUÇA AMARGAMENTE.



A NOTÍCIA CAUSOU PRANTO E CAUSOU MEDO,
E OS BAIXOS, COMO NEGRO EMPARELHADO 
120 NUM SOLUÇO AMARGURADO,

SE CALARAM PELA FALTA DOS SEUS DEDOS

COM OS QUAIS JÁ TOCAVA DESDE CEDO,

MUITO OUSADO, MENINO INTELIGENTE

SACUDIA O SEU FOLE IMPERTINENTE
PÉ–DE–BODE QUE O PAI LHE OFERECEU
O BAIÃO O SEU CANTADOR PERDEU
E O NORDESTE SOLUÇA AMARGAMENTE.



A NOTÍCIA CORREU O MUNDO INTEIRO,
COM TRISTEZA, EMOÇÃO, COM PRANTO E DOR
QUE O BRASIL PERDEU UM CANTADOR

E O NORDESTE O SEU MAIOR SANFONEIRO

A SANFONA FOI A LANÇA DO GUERREIRO

QUE NO PEITO SEMPRE BRADAVA NA FRENTE

E A VOZ INCISIVA E ESTRIDENTE
SUA TERRA E SEU POVO DEFENDEU
O BAIÃO O SEU CANTADOR PERDEU
E O NORDESTE SOLUÇA AMARGAMENTE.



SEU LUÍS CUMPRIU BEM SUA MISSÃO,
COM A SANFONA E O GOGÓ AFINADOS
CADA MÚSICA SUA ERA UM RECADO

E CADA TOM DA SANFONA UMA EMOÇÃO

DEFENDEU COMO NINGUÉM O SERTÃO

NOS SEUS VÁRIOS MOMENTOS DIFERENTES

SOLIDÁRIO NAS SECAS E NAS ENCHENTES
SUA VOZ ERA A MENSAGEM DE DEUS
O BAIÃO O SEU CANTADOR PERDEU
E O NORDESTE SOLUÇA AMARGAMENTE.



QUANTA ANGUSTIA PRO CANTADOR DO SERTÃO,
JÁ SABENDO DA HORA DA PARTIDA
VENDO O MÉDICO TENTAR DEVOLVER-LHE A VIDA

E JÁ SENTINDO UMA CHAGA EM CADA MÃO

E DEPOIS ENTREGAR O CORPO AO CHÃO 

DEVOLVIDO PARA DEUS ETERNAMENTE

ACOLHIDO PELA TERRA IGUAL SEMENTE
SACODIDO NUMA COVA NO LUGAR ONDE NASCEU
O BAIÃO O SEU CANTADOR PERDEU
E O NORDESTE SOLUÇA AMARGAMENTE.



Autor:Tibúrcio Beezerra
Postar um comentário