sábado, 3 de agosto de 2013

LAGOA DO OURO SE PREPARA PARA CELEBRAR 01 ANO SEM VAVÁ MACHADO


    
Morre o aboiador Vavá Machado

DESPEDIDA DO VAQUEIRO




Pablito Pinto



Na manhã de uma segunda-feira 06 de agosto, faleceu um dos maiores nomes da música de aboio do país, Ademar Teles de Carvalho o "Vavá Machado" que foi vítima de um enfarto fulminante ocorrido por volta das 08:30 horas da manhã, no hospital de Olho D'água das Flores.
Vavá Machado era cantor e compositor e fez história ao lado de Marcolino. Juntos gravaram vários discos de aboios, toadas e forró que lhes renderam uma história de muito sucesso em todo o Nordeste.
Vavá morou durante muitos anos no município de Major Isidoro, onde foi o idealizador da Tradicional Missa do Vaqueiro - no Parque Jacinto Machado - que no ano passado(2012) completou sua 13ª edição.
A dupla se separou, mas Vavá continuou na ativa por vários anos e arranjou diversos parceiros como Léo Costa, Zé de Almeida e Olavo Silva.
Quando veio a falecer fazia  shows e estava integrando e liderando o Trio Bridões de Ouro junto com Zé de Almeida e Olavo Silva. Ficou para todos nós, pernambucanos e   alagoanos, sua obra de grande valor na cultura nordestina, além de muita saudade. 
O seu corpo foi sepultado em Lagoa do Ouro, terra aonde nossa família vingou, diante de uma das maiores, senão a maior, manifestação de amor e carinho que o município já viu.
Ao nos preparar para celebrar um ano de sua viagem derradeira, no próximo dia 06,  não podemos esquecer que sua importância, como pessoa, como cantor e como família, nos foi entregue generosamente.

A cidade de Lagoa do Ouro se prepara para celebrar um ano de dua ida para os céus e mais uma vez, reconhecer que seu filho ilustre elevou, respeitou e levou o nome desse município para todos os lugares por onde andou.
OBS: Quando pequena eu queria aboiar com ele, imagine? (risos)...E fica guardada a recordação de le carregando um gravador pequeno, pesado e eu no microfone  gritando êhhhhhhhhh boi, êeeeeeeeee, vaquinha vai, vaiiiiiiiiiiiiiiii,  meu avô rindo pra se acabar e a certeza de que esse talento não me chegou...Continuamos a levar nossa "boiada-vida"  até que um dia possamos nos encontrar e ri muito das lágrimas de saudades que teimam em cair e ver que está tudo bem, que a nossa família está se juntando ai com papai, vovô, vovó, minha irmã Suely, muitos tios e primos..

Fonte Blog Lagoa do ouro

Postar um comentário